San Nicolás de los Arroyos

ALT 17 m, POB 145.857 hab, LA PLATA 296 km

Chamada de “los Arroyos” por seus limites naturais, a cidade se estende às margens do rio Paraná, enfeitada por uma paisagem de barrancas, ilhas e banhados. Possui um porto que recebe navios de grande porte e de onde partem cereais, ferros, aços e diferentes matérias-primas para várias partes do mundo.

ATRAÇÕES:

Construída em 1964, pertence à família do poeta nicoleño Oscar Felipe Cafiero, que trabalhou em diferentes portos do país e foi um marinheiro apaixonado pelo rio Paraná. A edificação conta com proa, popa, correntes, âncoras, cabos, bits de amarração, escada de navio e escotilhas. A casa está ancorada a 100m do rio.

José Ingenieros, 72.
É um novo espaço público que se estende sobre a barranca dos rios Paraná e Yaguarón. Possui um anfiteatro onde são realizados eventos culturais e shows. Numa de suas extremidades está a obra "Te busco" do artista Manuel De Francesco, uma escultura de 4,5m de altura que simboliza a relação da cidade frente ao rio. Com o olhar sobre a paisagem, essa escultura brilha em um dos pontos mais altos da costanera.

América, 49.
Inaugurado em 1908, em suas instalações destacam-se as pinturas do hall e da sala principal, a cortina, seus móveis importados de Viena e sua decoração. Caracterizado por sua excelente condição acústica, arquitetura e história, suas salas líricas são consideradas as melhores do país. Foi declarado monumento histórico nacional e abriga uma galeria de arte.

De la Nación, 346 (esquina com Maipú)
Horário: Segunda a sexta 9h/17h e sábado 9h/13h.