Neiva

CAPITAL DO DEPARTAMENTO, ALT 442 m, POB 347.501 hab, BOGOTÁ 315 km

Situada numa planície sobre a margem oriental do rio Magdalena, no vale homônimo, atravessado pelos rios Las Ceibas e Oro, possui uma economia muito dinâmica baseada no ecoturismo, gastronomia, indústria e comércio. O rio Magdalena é um cenário privilegiado para a prática de esportes náuticos e recreação esportiva. Conta com o Aeroporto Benito Salas, com uma área de 5.600m², localizado na zona norte da cidade, um dos principais do sul do país, graças ao fluxo de passageiros e cargas.

ATRAÇÕES:

É um lugar agradável para caminhadas ecológicas, cavalgadas, passeios de barco ou simplesmente saborear um prato típico às margens do rio. Por sua localização, permite facilmente a observação de aves de várias espécies como garças, pica-paus, pássaros azuis, beija-flores, entre muitas outras. Também há uma variedade de lojas de artesanato de todos os tipos, onde é possível comprar chapéus, redes, cadeiras, vestidos de malha, quadros, utensílios de madeira e outros, a preços muito acessíveis. Um dos locais mais visitados é o Mirador, localizado em uma estrutura muito particular que remete ao personagem mitológico do rio Magdalena, El Mohán. Deste mirante pode-se contemplar a beleza do rio e parte da cidade.

Huilassik Park Museo Prehistórico

Possui uma exposição de animais pré históricos como tartarugas e grandes carnívoros, todos elaborados em terracota. A sala onde estão as esculturas está ambientada com a aparência que tinha o Desierto de la Tatacoa na era terciária. Está localizado debaixo do Monumento de la Gaitana. Horário: Diariamente, 8h/18h.

Mirador del Mohán

Com 25m de altura, foi construído em aço sintético reforçado com fibra de vidro. Além de ser um ícone da cidade, oferece vistas panorâmicas da cidade e do local de embarque do teleférico que leva até uma ilha no meio do rio. Está localizado no Malecón del Río Magdalena.

Carrera 11 esq. com Av. Circunvalar. COP$1000.

Monumento Cacica La Gaitana

Construído em 1974 pelo escultor Rodrigo Arenas Betancourt, ergue-se sobre 3 pilares amarelos, com uma cena dramática se desenrolando no topo. Foi originalmente construído como um símbolo político em homenagem a Gaitana, uma heroína indígena da tribo Yalcón do Vale do Alto Magdalena na Colômbia. Representa a rejeição de uma raça digna e altiva diante da crueldade e selvageria dos invasores espanhóis que a devastaram, mas não a derrotaram. Fica junto ao Museo Prehistórico.
Possui um acervo com cerca de 80 peças pessoais do compositor Jorge Villamil Cordovez. Se destacam seu violão, sua vitrola e uma maquete da fazenda de café El Cedral, onde ele nasceu. Além disso, também guarda a mobília de seu consultório, quando exerceu a medicina.

Calle 23, #4-2
Horário: Segunda a sábado, 9h/17h.