Mercedes

CAPITAL DO DEPARTAMENTO, ALT 62 m, POB 41.975 hab, MONTEVIDEO 275 km

ATRAÇÕES:

Considerada a primeira indústria do Uruguay, as ruínas datam de 1722, quando foi fundada por um laico Recoleto (membros de ordens religiosas católicas, dedicadas ao trabalho manual). A indústria constituiu-se na extração de calcário, para posterior incineração em um de seus 4 fornos ainda existentes. A cal produzida era destinada à cidade de Buenos Aires. Seu nome se deve à sua localização na margem do arroyo Dacá. Uma das partes mais singulares das ruínas é uma espécie de galpão com cerca de 3m de largura por 34m de comprimento, com paredes de quase 1m de espessura, que lembra uma antiga capela. O complexo arqueológico está localizado num pequeno morro, de onde se avistam belas paisagens. Fica no caminho para o Castillo Mauá, a 2km.
Construído pelo empresário e banqueiro brasileiro, Irineu Evangelista de Souza, barão e visconde de Mauá, que comprou terras no departamento de Soriano e formou uma fazenda de mais de 30.000ha. Edificado entre os anos 1859 e 1862 para ser a sede da estância, é uma construção típica da época, em formato retangular com 2 andares rodeando um pátio central, decorado pelo proprietário com diversas espécies de plantas trazidas de suas viagens. Tem 2 torres elevadas que proporcionam excelente vista do rio Negro. Atualmente, pertence à Intendência e seu complexo abriga um museu paleontológico, um zoológico e bodega de vinhos.

Acesso pela calle Aparicio Saraiva (final), 5km
Horário: Diariamente, 11h/17h. Gratuito.
Coleção que conta a história da música ao longo do tempo, através de 36 cenários 3D, nos quais são recriados momentos de cada período da música.

Pbro. Manuel Antonio de Castro y Careaga, 664 (Sala Enrique Guarnero)
Horário: Sábado e domingo, 20h/22h. Gratuito.