Paraná

CAPITAL DA PROVÍNCIA, ALT 77 m, POB 339.930 hab, BUENOS AIRES 454 km

Cidade mais populosa da província e a décima quarta do país, teve um povoamento gradual na época da colonização espanhola. A Grande Paraná junto à Grande Santa Fé, formam um conglomerado urbano de mais de um milhão de habitantes, unidas pelo Túnel Subfluvial Raúl Uranga-Carlos Sylvestre Begnis. Seus barrancos ajardinados, como o Parque Urquiza, são uma das características singulares dessa cidade, que tem uma estreita ligação com o rio que lhe dá nome.

ATRAÇÕES:

Possui uma importante coleção de prataria crioula que foi doada pela família Leguizamón. Destacam-se esporas, estribos, facas, rebenques, chicotes, lamparinas e grades de prata em relevo. Exibe em 18 salas a evolução histórica da província.

Buenos Aires, 286
Horário: Terça a sexta 8h/12h30 e 15h/20h, sábado 9h/12h e 17h/20h, domingo 9h/12h. AR$5.
Inaugurado em 1890, construção de estilo eclético, foi sede do primeiro governo da cidade.

Gral. Justo José de Urquiza, E3100.
Com uma área de 44ha, fica junto ao rio. Está divido em 3 níveis, conectados por escadarias, trilhas e ruelas, através das quais se pode subir ou descer os barrancos em meio a vegetação. Na parte baixa está a Costanera da cidade, com pistas para caminhar, andar de bicicleta ou fazer exercícios. Na parte do meio fica um anfiteatro e na parte alta, um mirante natural e um Rosedal.

Av. Laurencena.
Túnel rodoviário inaugurado em 1969 para fazer a ligação entre as províncias de Entre Ríos e Santa Fé. Tem cerca de 2,5km de extensão e cruza o rio Paraná por baixo de suas águas. Ruta Nacional 168, a 5km do centro. Pedágio AR$50.

VEJA TAMBÉM: Santa Fe (Santa Fe), 29km