Chapada dos Guimarães

ALT 798 m, POP 19.049 hab, CUIABÁ 68 km

ATRAÇÕES:

Unidade de conservação com uma área total de 32.630ha, e uma das principais atrações do cerrado brasileiro graças a seus mirantes e cachoeiras. Sua fauna é bastante diversificada e abrange algumas espécies raras, endêmicas e sensíveis. Entre os mamíferos despontam o tamanduá-bandeira e o tatu-canastra, ambos ameaçados de extinção. O lobo-guará é o maior predador da área e controla populações de roedores, aves, répteis e insetos. A vegetação é representada predominantemente por savana, ou cerrado, com floresta de galeria.

Rodovia MT-251, 11km.
Horário: Diariamente, 8h/17h. Gratuito.

Cachoeira das Andorinhas 

Com aproximadamente 30m de queda d’água e poço para banho, é a mais alta e mais bela do chamado "Circuito das Cachoeiras" do Parque. Na década de 1980, foi palco de um protesto que culminou com a criação do Parque Nacional. Acesso por uma trilha extensa (nível moderado, 6km, 5h), somente com acompanhamento de guia.

Cachoeira Véu da Noiva 

Com 86m de altura, é formada pelo córrego Coxipozinho e está cercada por paredões de arenito num vale em forma de ferradura. Seu mirante é acessado por uma trilha rústica auto guiada de aproximadamente 550m de extensão em campo aberto.

Aberto diariamente, 9h/16h.

Casa de Pedra 

É uma gruta de arenito esculpida pelo córrego Independência, habitada por morcegos e pequenos animais com vestígios de inscrições rupestres. Há relatos de que tenha servido como abrigo para escravos fugitivos e também para os homens da Coluna Prestes durante uma viagem pelos sertões do Brasil.

Cidade de Pedra 

Formações rochosas avermelhadas esculpidas pelo vento e pela chuva, que lembram as ruínas de uma cidade medieval. As escarpas monumentais chegam a mais de 350m de altura. Acesso por uma trilha de 500m com acompanhamento obrigatório de um guia.

Mirante do Centro Geodésico 

Com 845m de altitude, oferece uma belíssima vista panorâmica, podendo em dias de céu claro, avistar até a cidade de Cuiabá, a cerca de 30km dali. É considerado o Centro Geodésico da América do Sul, equidistante 1.600km do Oceano Pacífico e do Atlântico. Acesso pela Rodovia MT-251, a 8km da cidade.

Mirante do Morro dos Ventos 

Situado a 800m de altitude, tem uma vista espetacular dos paredões de arenito, de uma cachoeira e de uma grande planície. O local conta com jardins e um restaurante de cozinha regional.

Estrada do Mirante, Km 1.

Morro São Jerônimo 

Um dos pontos mais altos do Parque, com mais de 800m de altitude. Acesso por uma trilha difícil (6h), somente com acompanhamento de guia. Entrada permitida entre 8h30 e 12h e saída até 17h, limitado a 36 visitantes por dia.
Saiba mais:

ICMBio/Chapada dos Guimarães