Paruima

ALT 583 m, POP 800 hab, BARTICA 277 km

ATRAÇÕES:

Enorme cachoeira com uma queda vertical de mais de 100m de altura e cerca de 15m de largura, formada pelo rio Urumamopa. Possui uma descida perpendicular bastante íngreme. A área ao redor do salto é quase totalmente coberta por floresta intocada. Está localizada a cerca de 10km da localidade.
Também conhecida como Kamarang Meru, está localizada no rio Kamarang. A catarata despenca das montanhas Pakaraima, num canto isolado do sudoeste do país, a poucos quilômetros da fronteira com a Venezuela. Com 145m de altura, forma uma cortina d'água de 46m de largura. Além do imponente mergulho vertical principal existem degraus menores na parte superior da queda. Abaixo da catarata, o rio corre por um desfiladeiro profundo e enevoado. Por seu volume, é uma das cataratas mais poderosas do país. Está localizada na terra pouco habitada do povo Arekuna. Foi supostamente descoberta em 1938 pelo entomologista e médico dinamarquês Paul A. Zahl, que escreveu em seus relatos que o estrondo da caída das águas já era ensurdecedor muito antes das quedas serem avistadas.
Também conhecida como King George VI Falls ou Ushi Falls e ainda Utshi Falls. É uma queda vertical única de 214m de altura e cerca de 30m de largura formada pelo rio Oshi, que mergulha num amplo anfiteatro nas profundezas da selva da guianense. Está entre as cachoeiras mais espetaculares do mundo, porém poucas pessoas conseguem chegar até ela. Foi descoberta em 1938 pelo entomologista e médico dinamarquês Paul A. Zahl. Necessário prévia autorização do Ministry of Indigenous Peoples Affairs (Ministério de Assuntos Indígenas) para visitá-la. Fica num local bastante remoto, a cerca de 6h de caminhada (nível moderado) a partir da vila.